sábado, 22 de janeiro de 2011

"Ainda há espaço para pesquisa de linguagem no cinema brasileiro?", pergunta Lázaro Ramos, nosso inesquecível "Foguinho", a um cineasta num programa do Canal Brasil.

É por esse tipo de mentalidade que o cinema brasileiro não vem sendo, e dificilmente virá a ser, bom.

Um comentário:

Anônimo disse...

"pesquisa de linguagem" é "linguagem" de grupo de teatro.

Francis

Arquivo do blog