quarta-feira, 21 de novembro de 2012

E até onde eu sei, a modalidade "escrever sobre filmes de que só se viu a metade ou menos" foi de fato inaugurada ou por Serge Daney ou por Glauber Rocha. O Jairo Ferreira - sim, aquele do prêmio - também andou pegando carona nessa inaceitável prática.

Mas que injusto: esqueci que as daneyzettes brasileiras são essas reservas de coerência e consciência, indo às lágrimas ao reler O travelling de Kapò e depois às nuvens vendo Bastardos Inglórios.

Um comentário:

bruno andrade disse...

E se sequer lhe ocorrer a idéia de "comparação", aviso: você é um analfabeto.

Arquivo do blog