domingo, 15 de fevereiro de 2009

5 comentários:

Marlon disse...

Ele vai desenterrar todos os italianos. Um possível projeto seria um filme de Hercules com um novo Schwarzenegger.. pensa bem, se fosse outro diretor poderia ser o Vin Diesel

bruno andrade disse...

O pior é que não gostei nem um pouquinho do trailer da refilmagem do Tarantino. Talvez seja só o trailer (os de hoje em dia são muito ruins, Deus do céu...), mas a impressão que dá é que Tarantino vai tombar mais uma vez na veia dispersiva e histérica de Kill Bill. Espero estar enganado.

Rodrigo disse...

Meu medo é das tendências ao kitsch do Tarantino que pode desembocar num cinema puramente plástico, exemplar estridente do pós-moderno.

Anônimo disse...

Supongo que la sucesión de planos con que arranca (eso espero) no tendrá nada que ver con la realidad, dada la moda necia de remontar "a la contra" las películas y destriparlas para hacer "trailers" DESAPETECIBLES (o apetecibles para alguien con quien no me identifico), pero lo que se ve, además de feo y desorganizado, no es nada prometedor. Más vale olvidarlo y esperar que haya suerte.
Miguel Marías

bruno andrade disse...

Seria precipitado julgar a futura sorte do filme a partir de evidências pobres, mas o que assusta é o tom buscado e por fim sugerido pelo trailer: uma solenidade completamente sem propósito e desproporcional (e completamente ausente de filmes como o de Castellari, aliás) à descrição picaresca que Tarantino faz desses eventos, o que já havia arruinado Kill Bill e na contramão das verdadeiras qualidades do seu cinema - o laconismo e a precisão com que pinta eventos de e em pequena escala, como em Death Proof e sobretudo Jackie Brown.

Arquivo do blog