domingo, 10 de julho de 2011

3 comentários:

HobbsEnd disse...

¿Ha visto "Giallo"? Me parece el peor Argento de toda su carrera (aunque no lo he visto todo), nada que ver con la anterior y notable "La terza madre"; también me parecieron interesantes los 2 episodios que dirigió para Masters of Horror, "Jenifer" y "Pelts". Está claro que Adrien Brody y Elsa Pataky no fueran buenas elecciones de casting, pero tampoco destaca Emmanuelle Seigner, que está excelente en "Essential Killing".
Aprovecho para felicitarle por el blog.
Toni Garcés

bruno andrade disse...

O que vi recentemente, na realidade revi, foi Nonhosonno, que apenas me deixou mais convicto de que, ao contrário da percepção generalizada, a obra do Argento teve nos anos 90 e 2000 um vigor e uma renovação quase artesanal de procedimentos, uma redução ao essencial, que desde os anos 60 provavelmente não se via na obra de um cineasta longevo. Não sou fã de Pelts, que me parece o pior trabalho de todos do Argento, mas Sindrome di Stendhal, Il fantasma dell'opera, Nonhosonno, Il cartaio, Ti piace Hitchcock?, Jenifer e La terza madre transbordam de invenção e principalmente de belezas inesperadas, mesmo que esparsas.

bruno andrade disse...

Melhor dizendo, inesperadas porque esparsas.

Arquivo do blog